Sign In
  • Ginástica | Gymnastics | Gymnastique

    Conteúdos programáticos

Editar Textos
Editar o Título, Descrição, Texto e Tags deste Desafio

Ginástica | Gymnastics | Gymnastique

Programa dos Jogos Olímpicos Paris ​2024: Ginástica

Platão, Aristóteles e Homero defendiam veementemente as qualidades fortalecedoras da atividade gímnica. Os gregos acreditavam que a simetria entre a mente e o corpo só era possível quando o exercício físico era associado à atividade intelectual.

A ginástica artística integra o Programa dos Jogos Olímpicos desde a primeira edição. Contudo, algumas provas eram difíceis de classificar como "artísticas" quando comparadas com o conceito que hoje conhecemos. O programa da ginástica evoluiu muito desde as primeiras edições dos Jogos Olímpicos e, atualmente, estão integradas três disciplinas: ginástica artística, ginástica rítmica e trampolins.


Ginástica artística

Na ginástica artística, os atletas realizam as suas rotinas em diferentes aparelhos e são avaliadas pela prestação em cada um dos aparelhos ou no conjunto de todos ("all around"). Para além disso, existem também as provas por equipas. A competição masculina inclui seis aparelhos: solo, cavalo com arções, argolas, saltos, paralelas simétricas e barra fixa. Na vertente feminina, os quatro aparelhos são: saltos, paralelas assimétricas, trave e solo.

As competições femininas de ginástica artística integraram o Programa dos Jogos Olímpicos Amesterdão 1928 e, com exceção da edição ​​​​de Los Angeles 1932, têm sido disputada​s em todas as edições.


Ginástica rítmica

A ginástica rítmica é exclusiva para mulheres, que competem individualmente ou em grupo. Esta disciplina é uma combinação de ginástica e dança, em que as ginastas executam movimentos coreografados com acompanhamento musical, utilizando aparelhos portáteis: corda, arco, bola, maças ou fita. As competições de ginástica rítmica foram adicionadas ao Programa Olímpico na edição de Los Angeles 1984.​


Trampolins

Os trampolins surgiram como ferramenta para treino de astronautas ou de atletas de outras modalidades. As pessoas gostaram tanto da sensação que começaram a utilizar os trampolins para se divertirem e rapidamente a vertente lúdica deu lugar à competição. Nesta disciplina, os ginastas executam uma série de rotinas curtas que incluem piruetas, saltos e saltos mortais e os juízes atribuem notas para dificuldade, execução, tempo de voo e deslocamento horizontal. As competições masculinas e femininas de trampolins estão no Programa Olímpico desde a edição de Sidney 2000.


Participação Portuguesa

Primeiras participações de atletas portugueses:

  • Ginástica artística - Dália Cunha, Maria Laura Silva Amorim e Natália Cunha e Silva, concurso geral ("all around") individual feminino, António Araújo Leite, Joaquim Granger, Manuel Prazeres, Manuel Robalo Gouveia, Manuel Seara Cardoso e Raúl Caldeira, concurso geral ("all around") individual e por equipas, nos JO Helsínquia 1952.
  • Ginástica rítmica - Margarida Carmo e Maria João Falcão nos JO Los Angeles 1984.
  • Trampolins - Nuno Merino e Ana Rente ​​nos JO Atenas 2004 e Pequim 2008, respetivamente.

* Elaborado com informações e textos traduzidos do Comité Olímpico Internacional, Comités Organizadores dos Jogos Olímpicos e Comité Olímpico de Portugal​

Imagens

Editar Imagens
Editar as Imagens deste Conteúdo

Vídeos

Editar Vídeos
Editar os Vídeos deste Desafio

Hangouts

Editar Hangouts
Editar os Hangouts deste Conteúdo
Adicionar Comentário

Programa de Educação Olímpica

Programa dos Jogos Olímpicos Paris ​2024: Ginástica

Anexos

Editar Anexos
Editar os Anexos desta Atividade